Em nome de Allah, O Misericordioso, O Misericordiador

Certificação halal abre portas também no mercado interno

Obter um certificado que atesta a qualidade do produto e alcançar um público crescente no mercado interno brasileiro foram os fatores que levaram o sócio proprietário da Frango Caipira do Campo, Marcos Batista, a buscar a certificação halal para a empresa. No entanto, para o empresário, os resultados do processo de certificação têm demonstrado ainda mais vantagens. O entendimento das premissas islâmicas para a alimentação halal e o conhecimento do mercado tem levado a empresa paranaense de Ivaiporã a perceber que a certificação é necessária não apenas a empresas exportadoras, mas também ao mercado interno pois há grupos muçulmanos em número significativo e crescente em diversas cidades brasileiras. Além disso, conforme observa Batista, mesmo o consumidor não muçulmano já entende que o selo halal é garantia de que a empresa investe em tecnologia, qualidade e segurança alimentar.
A Frango Caipira do Campo é uma empresa de origem familiar pautada pela qualidade e pela produção artesanal de frango da raça de origem francesa Label Rouge, mais conhecida como pescoço pelado. A criação do Label Rouge envolve uma alimentação mais natural, composta por verduras, legumes, grãos de milho e farelo de soja, consumidos livremente. O frango é criado solto, no campo, por 70 dias, o que lhe confere uma carne firme, de textura consistente.
A produção artesanal hoje limita o abate a 5 mil aves/dia, que são distribuídas em sua maior parte no próprio estado paranaense e no Rio Grande do Sul. Pouco ainda em Santa Catarina e na grande São Paulo, onde são entregues cerca de 16 a 17 toneladas por semana a grandes redes varejistas.
Para obter a certificação halal, a empresa buscou a SiiL - Serviços de Inspeção Islâmica - na qual obteve as orientações necessárias para se adequar ao conjunto de práticas e condutas consideradas lícitas - permitidas e saudáveis - perante a lei islâmica. Dentre as poucas modificações necessárias, Batista informa que precisou contratar um muçulmano para realizar o abate e ajustou sua linha de produção de forma a que, no abate, o peito do frango esteja voltado em direção à Meca - cidade sagrada para os muçulmanos.
O especialista em mercado halal, Chaiboun Ibrahim Darwiche, presidente da Siilhalal, informa que o halal hoje já é considerado uma marca de reconhecimento mundial, cuja padronização dos processos de produção de alimentos, fármacos, cosméticos e até mesmo o turismo, garantem aos produtos e estabelecimentos certificados o reconhecimento pela qualidade e licitude.
Com a certificação a caminho, Batista espera utilizá-la como ferramenta de marketing para, a longo prazo, prospectar novos mercados e aumentar a produção da Frango Caipira do Campo.

Fonte:Jeanine K. Bellini Guedes - Assessora de imprensa SiiLhalal

imprensa@islamichalal.com.br

Obter a certificação Halal
Inspeção islâmica - Siil Halal
TELEFONE+55 (49) 3323.1224
Av. Porto Alegre, 427D
Ed. Lázio Executivo, Sala 702
Chapecó - Santa Catarina - Brasil
CEP:89.802-130
Redes sociais
© Copyright 2018. Todos os direitos reservados.